• Leila Kelly

Alto mar


O vai e vem severo das ondas do mar

assusta tanto quanto a escuridão assoladora da noite

O labirinto, perdido, enjoa o navegante,

mas se o marujo conseguir focar o olhar,

é possível ver um brilho.

Não se sabe da onde vem

e com toda essa chuva é impossível identificar sua origem

É um farol que não ilumina, nem indica o caminho,

mas acalma o agitado coração.

Um sinaleiro que avisa que não é preciso desesperar

que é apenas necessário calma.

Calma suficiente para entender que

para ver a luz basta fechar os olhos



Obra: da série "Instante Presente", Fé.

2 visualizações
  • Instagram

leilakelly.go@gmail.com

São Paulo - Brasil